terça-feira, 9 de junho de 2009

ENSINO EXPERIMENTAL - "Despertar para a Ciência"

Explorando a electricidade...
CIRCUITOS ELÉCTRICOS
Hoje tivemos a visita da formadora Margarida Martins à nossa sala, para assistir à última aula de Ensino Experimental.
As experiências continuam...
Como nós gostamos disto!
O desafio era: Como fazer acender uma Lâmpada?
A professora deu-nos uma lâmpada pequenina, um suporte, uma pilha e muito fios com crocodilos nas pontas.
Após algumas tentativas...conseguimos!
A Inês Miranda foi a primeira a conseguir.
Nem imaginam a alegria dela e o grito que deu!
Foi fantástico ver a lâmpada acender!
Com esta experiência concluimos que:
Para acender uma lâmpada é necessário estabelecer um circuito eléctrico fechado.
É necessário uma pilha, fios eléctricos ou simplesmente encostar a lâmpada aos pólos da pilha.
Eis o registo fotográfico
Já pensaram como seria a “nossa” vida sem energia eléctrica?

2 comentários:

professora Luísa disse...

Olá! Já algum tempo que não passava por aqui.

Adorei a vossas novidades em suporte fotográfico... (porque já sabia que iam acontecer).

E vocês gostaram do que aprenderam?

Acho que sim! jocas do 3.ºA

Amiguinhos da Quinta disse...

Olá amiguinhos passámos para vos desejar uma excelente e última semana de trabalho (pensamos que para vós também seja).
Também já fizemos as nossas experiências.
Parabéns por term conseguido acender a lâmpada.
Beijinhos Profª Ana Maria e Amiguinhos da Quinta

Fernando Pessoa

Fernando Pessoa
Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes,
mas não esqueço de que minha vida é a maior empresa do mundo.
E que posso evitar que ela vá a falência.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver
apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e
se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar
um oásis no recôndito da sua alma .
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um 'não'.
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.
Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou construir um castelo...
(Fernando Pessoa)